Comitê de crise
Enfrentamento ao coronavírus (Covid-19)

17 de março a 1° de julho de 2020

A UNIDAS tem concentrado todos os seus esforços em ações que auxiliem suas filiadas no combate ao novo coronavírus (Covid-19). A movimentação inclui diálogos com o governo e órgãos reguladores, relacionamento com prestadores de serviços, para encontrar soluções, como telessaúde, além de troca instantânea de informações, por meio de um canal exclusivo.

 

Esta é a primeira vez em 18 anos, desde sua criação, que a UNIDAS conseguiu reunir todas as suas filiadas em prol de um único objetivo.

 

Abaixo, encaminhamos um resumo do trabalho realizado. Os títulos são hiperlinks, basta clicar neles para ter acesso aos materiais.

 

18 de março – Ministério da Saúde abre canal direto com segmentos do setor

UNIDAS participa de reunião emergencial convocada pelo ministro Luiz Henrique Mandetta, para abordar o panorama da pandemia do coronavírus (Covid-19). O encontro, realizado de maneira remota, contou com a participação do diretor-presidente interino da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), Rogério Scarabel, do presidente da UNIDAS, Anderson Mendes, e do gerente executivo da instituição, Leandro Araujo. Além deles, também marcaram presença o presidente da Cassi, Dênis Côrrea, outros três diretores da ANS, representantes da Abramge, da Fenasaúde e outras lideranças do setor.

 

19 de março – UNIDAS lança canal exclusivo para o combate ao coronavírus

UNIDAS disponibiliza canal exclusivo, via WhatsApp, para que suas filiadas possam trocar dados e informações sobre o novo coronavírus.

 

20 de março – UNIDAS define temas para iniciar debates em canal exclusivo

Foram definidos os temas: auditoria nos hospitais, modelo de telemedicina, treinamento e suporte e novidades do setor.

 

25 de março – RN 452 e Consulta Pública nº 77

Documento detalha RN 452 e informa sobre a Consulta Pública nº 77, que trata da proposta de normativa que regulamenta o capital baseado no risco de crédito. O prazo para apresentação de sugestões e comentários é de 1º de abril a 31 de maio de 2020. A UNIDAS receberá sugestões até o dia

o de maio, para enviar documento único à ANS.

 

25 de março – Pedido de manifestação da ANS referente à resolução da SES do RJ

UNIDAS envia à ANS preocupação apresentada por nossas filiadas com beneficiários no Estado do Rio de Janeiro, tendo em vista o disposto no art. 1º. da Resolução SES n. 2004, de 18 de março de 2020, da Secretaria da Saúde do Estado do Rio de Janeiro.

 

30 de março – De Norte ao Sul do país, autogestões unem esforços para combater a Covid-19

Primeira vez em 18 anos que a UNIDAS consegue reunir todas as suas filiadas em prol de um único objetivo. A troca de informações instantânea entre mais de 200 gestores tem sido essencial frente à pandemia.

 

26 de março – Carta ao presidente do CNJ e presidentes dos TJs

UNIDAS manifesta preocupação com referência à eventual crise de desabastecimento que possa ocorrer em decorrência da concessão de liminares e/ou tutelas antecipadas, em diversas comarcas e instâncias judiciárias espalhadas por nosso país de dimensão continental, que possam determinar coberturas ou autorizar a suspensão de pagamento das contraprestações pecuniárias dos beneficiários desse planos de saúde, sem qualquer respaldo na legislação vigente, nas determinações da Agência Nacional de Saúde Suplementar ou contrariando a lógica econômico-financeira ou os cálculos atuariais das citadas contratações.

 

30 de março – Carta à Anahp e parecer jurídico

UNIDAS envia carta e parecer jurídico ao presidente do Conselho de Administração Anahp, afirmando que é preciso continuar a seguir algumas diretrizes, como manter as rotinas de auditoria de fechamento de contas, ajustar com as operadoras a auditoria beira leito (auditoria concorrente), seja por vídeo, telefone, entre outros, e a preservação dos contratos vigentes, dando segurança tanto para as operadoras quanto para os prestadores de serviços hospitalares, sendo que eventuais ajustes deverão ser realizados por meio de aditamentos contratuais, de comum acordo.

 

1º de abril – UNIDAS questiona AMB sobre valor de teste para o novo coronavírus

UNIDAS indaga Associação Médica Brasileira – AMB sobre o valor proposto para a realização do procedimento Código TUSS 4.03.16.61-8  SARS-CoV-2 (Coronavírus Covid-19).

 

2 de abril – Cartas das entidades da saúde suplementar para a DIDES/ANS

UNIDAS, Abramge, FenaSaúde e Unimed do Brasil solicitam prorrogação de 180 para 360 dias para cumprimento das normas relacionadas à Consulta Pública nº 76, devido à pandemia.

 

3 de abril – Comentários sobre as notas técnicas emitidas pela ANS

Consultoria jurídica comenta notas técnicas da ANS, com deliberações sobre o enfrentamento da Covid-19.

 

3 de abril – RNs 455 e 456

Comentários da consultoria jurídica sobre as RNs 455 e 456.

 

3 de abril – Covid-19 deve gerar impacto de R$ 1,4 bi nas despesas das autogestões

UNIDAS divulga release informando que a pandemia do novo coronavírus terá reflexos consideráveis em todos os setores; sobretudo, na saúde. Atualmente, é possível estimar aumento de custo, em média, de pelo menos 6% da receita, o que equivaleria a R$ 1,4 bilhão, considerando a receita das autogestões de 2019. Nas carteiras mais envelhecidas – com 50% de idosos – a despesa extra pode chegar a 10% da receita.

 

9 de abril –  2ª Reunião com a Anahp

Tentativa de alinhar expectativas tanto para as autogestões quanto para os hospitais. UNIDAS ressaltou perfil da carteira do segmento, com alta concentração de idosos, e pede cautela para cobranças pela média, pois as contas futuras podem se tornar impagáveis, e quebrar algumas operadoras.

 

9 de abril – Telessaúde: Com iniciativa inédita no setor, UNIDAS disponibiliza gratuitamente plataforma para filiadas

Ferramenta foi apresentada para todas as filiadas, que reúnem 4,5 milhões de vidas, em videoconferência com a participação de 100 gestores das autogestões.

 

13 de abril – Palestra para a Credit Suisse

Presidente Anderson Mendes debateu adaptação das autogestões à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), principalmente em relação à sinistralidade; pressão dos prestadores de serviços e de órgãos reguladores; mudanças na utilização dos serviços de saúde; a importância da atenção primária à saúde a busca por soluções para o momento pós-pandemia.

 

16 de abril – Fórum da Saúde CNJ

Presidente da UNIDAS participou de Comitê Executivo dor Fórum Nacional de Saúde, para debater sobre a preocupação das operadoras com decisões judiciais que impactam na prestação do serviço a seus beneficiários. Representantes das instituições do setor apresentaram propostas de ações integradas, entre público e privado, que possam colaborar com o Sistema Único de Saúde (SUS), durante o período da crise causada pela Covid-19.

 

21 de abril – Covid-19: UNIDAS participa videoconferência com ministro Dias Toffoli

Presidente Anderson Mendes participou de reunião de trabalho com o ministro Dias Toffoli, presidente do STF e do CNJ, para discussão de um projeto estratégico que tem por objetivo minimizar a judicialização nessa época de coronavírus e pós-coronavírus.

 

22 de abril – UNIDAS concede entrevista para a Folha de S.Paulo

Em matéria sobre teleconsulta, presidente Anderson Mendes destacou plataforma disponibilizada pela UNIDAS às filiadas. “Nossas operadoras estão recebendo uma enxurrada de pedidos. Gostaríamos de estar sendo mais céleres, mas é difícil quando tem uma situação inesperada. Não é tão simples assim, virar uma chave e está todo mundo autorizado. São dados sensíveis de saúde”, afirmou.

 

22 de abril – Reunião do Conselho Consultivo do Instituto Ética Saúde

Presidente Anderson Mendes, membro do Conselho, participou de reunião que debateu riscos potenciais de maior gravidade, devido à Covid-19, relacionados a comportamentos considerados antiéticos.

 

23 de abril – Autogestão prevê gastar R$ 1,4 bilhão a mais, por conta da Covid-19

Em matéria do jornal Valor Econômico, presidente Anderson Mendes apresentou cálculos dos custos assistenciais das operadoras, baseados em dados do Credit Suisse e da Imperial College London, e explicou que, possivelmente, o impacto da pandemia deve ser maior no setor, devido ao número de idosos no segmento, quase 30% do total de beneficiários.

 

29 de abril – UNIDAS participa de reunião com Governo de São Paulo, para auxiliar na definição de protocolos para retomada

Presidente Anderson Mendes participou de reunião com a secretaria Patrícia Ellen e o secretário José Henrique Germann, para colaborar na construção do Plano São Paulo, nos temas relacionados ao setor da saúde.

 

30 de abril – UNIDAS participa de reunião da  Câmara de  Saúde Suplementar

Encontro debateu ações do setor de saúde suplementar frente à crise da Covid-19.

 

26 de maio – UNIDAS Talks – O futuro da saúde: como o físico e o digital estão conectados no novo normal

O primeiro UNIDAS Talks trouxe estudos e experiências sobre como o setor da saúde pode usar a tecnologia a seu favor. Anderson Mendes, presidente da UNIDAS, conversou com especialistas sobre o assunto em um debate com várias reflexões sobre tendências inovadoras, uso e compartilhamento de dados, prevenção de doenças por meio de insights, novos valores dos beneficiários e outras questões significativas para o segmento.

 

3 de junho – RN 259 não pode ter regra única para um Brasil tão distinto, é preciso ter cautela para a volta dos prazos de atendimento, defende Anderson Mendes

Na reunião extraordinária da Câmara de Saúde Suplementar realizada em 3 de junho, o presidente Anderson Mendes defendeu a necessidade de haver cautela na volta dos prazos de atendimento da Resolução Normativa (RN) 259/2011. O encontro debateu ações do setor frente à crise da Covid-19 e tempos máximos de atendimentos estabelecidos no normativo.

 

9 de junho – UNIDAS Talks sobre gestão de pessoas em período de mudanças

Realizamos mais uma edição do UNIDAS Talks, que trouxe reflexões e experiências sobre a gestão de pessoas em período de mudanças. O presidente da UNIDAS, Anderson Mendes, conversou com especialistas sobre o assunto, que destacaram que os líderes devem transmitir segurança e ter um olhar mais humano sobre cada pessoa, a fim de unir as equipes para enfrentarem os desafios.

 

10 de junho –Após reivindicação da UNIDAS, ANS altera proposta sobre contratualização entre operadoras de saúde e prestadores de serviços

Preocupada com a eventual posição a ser adotada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) na regulação de contratos entre operadoras de planos de saúde e prestadores de serviços, a UNIDAS – Autogestão em Saúde agiu rápido e, na última sexta-feira (5), reuniu-se com as demais entidades do setor para encaminhar à ANS um ofício conjunto, que solicitava manifestação em relação à decisão da diretoria colegiada sobre o tema. O resultado veio na tarde de ontem (9), quando a Agência divulgou resposta com retificação de voto, informando, entre outras coisas, que “reajuste contratual terá periodicidade anual e deve ser aplicado na data de aniversário de vigência do contrato.”

 

15 de junho – Ações de APS em meio à pandemia

Realizada a primeira edição do IntegraUNIDAS, evento voltado exclusivamente para filiadas. O bate-papo reuniu representantes de operadoras para falar de iniciativas com colaboradores e beneficiários durante a pandemia.

 

16 de junho – IntegraUNIDAS fala sobre telemedicina no pós-pandemia

O consultor jurídico José Luiz Toro conduziu um debate com especialistas que levantou pontos relevantes sobre telemedicina e telessaúde no país. Regulamentação da prática no pós-pandemia, benefícios para as operadoras e para o beneficiário, segurança de dados, valores, acessibilidade e a importância da qualidade no atendimento médico foram alguns dos assuntos abordados.

 

26 de junho – Mais de 1,5 milhão de beneficiários das autogestões já têm acesso a telemedicina, graças à iniciativa da UNIDAS

Iniciada há pouco de um mês, a ideia tornou-se indispensável em meio à pandemia de Covid-19 e deve permanecer no “novo normal”. A novidade da UNIDAS já corresponde a quase 35% de todos os beneficiários do segmento e pode beneficiar até 4,5 milhões de pessoas.

 

30 de junho – Inclusão de teste de sorologia para Covid-19 no rol da ANS traz tratamento desigual à população, afirma UNIDAS

As autogestões, que não tem fins lucrativos, podem arcar com parte dos custos, que devem ultrapassar R$ 60 milhões. O valor também pode ser cobrado aos próprios beneficiários. A 6ª Vara Federal da Seção Judiciária do Estado de Pernambuco acatou uma ação de Defesa do Consumidor movida contra a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que determinou que a agência edite a Resolução Normativa 428 incluindo no Rol de coberturas os exames de sorologia IgM e IgG para a detecção do novo coronavírus. A ANS já emitiu a RN 458. A UNIDAS ingressou como amicus curiae no processo.

 

30 de junho – UNIDAS Talks – Como se reinventar na crise?

Anderson Mendes, presidente da UNIDAS, entrevistou Ricardo Dias, vice-presidente de marketing da Ambev. Em tom descontraído, o convidado falou sobre o mercado de trabalho em meio à pandemia e agregou com pensamentos e dicas com base em sua trajetória de 20 anos na cervejaria.

 

1° de julho – Vice-presidente de marketing da Ambev trata momento atual como “novo anormal” e dá dicas para manter os negócios durante a pandemia

Ricardo Dias participou do UNIDAS Talks, sob a temática “como se reinventar na crise?”, e falou sobre o segredo do sucesso e outros assuntos relevantes que servem como dicas e alertas para todos os negócios após a pandemia do novo coravírus.

 

Estamos todos #unidoscontraocoronavírus